origem de um nome

domingo, 25 junho 2017


A palavra ` nome ´ (do latim nomen , cuja raiz é comum a várias outras línguas indo-européias , como o grego) é num sentido amplo na gramática e na lingüística - qualquer palavra que siga a flexão nominal , ou seja, a declinação em contraposição à flexão verbal (ou conjugação). Portanto, não só substantivos, mas também adjetivos e, por vezes, as formas nominais dos verbos, podem ser considerados nomes.

N o sentido restrito e no uso comum, o nome é um vocábulo ou locução que tem a função de designar uma pessoa , um animal , uma coisa ou um grupo de pessoas, animais e coisas.

A credita-se que antes mesmo da invenção da escrita , os seres humanos já se faziam valer de imagens e sons para denominar coisas e seres , prática que remonta aos primórdios da história da humanidade . A evolução da linguagem permitiu que fossem criados nomes para designar conceitos abstratos tais como “tempo”, ” amor”, “feudalismo” e “Deus”, por exemplo.

A questão do nome como designador de um conceito universal tal qual “cavalo” para certas pessoas não é tão simples como parece. Em filosofia , a questão dos universais está na origem da querela entre nominalistas e realistas, tendo também os relistas moderados(a corrente do Realismo Moderado foi defendida por São Tomás de Aquino, chamado de Doutor Angélico e é defendido pela Igreja Católica Apostólica Romana) que teve muita importância na Idade Média, embora seja pouco conhecida e divulgada devido ao preconceito para com a Idade Média.

Prenome

O prenome , na maioria das línguas indo-europeias , é o elemento onomástico que precede o apelido de família (sobrenome) na forma de designar as pessoas. Exemplos de prenomes comuns são José, João, Carlos, Antônio, Maria, Joana, Paula etc. O prenome também é conhecido como nome de batismo . A cada pessoa podem ser atribuídos um ou mais prenomes quando nasce ou quando é batizada.

N o início da Idade Média, o nome pessoal era o nome principal da identidade. Ele era acompanhado de diferentes determinantes : origem geográfica, filiação (patronímico}, de parentesco, de profissão . Durante a segunda metade da Idade Média na Europa, e mais tarde em outros lugares, o nome de família que acompanhava o nome da pessoa, passou a ter uma importância maior na identificação do indivíduo. Então o nome pelo qual a pessoa era conhecida passou a ser o prenome, que deveria vir acompanhado pelo nome de família.

E m algumas culturas e idiomas (por exemplo em húngaro , vietnamita , chinês , japonês ou coreano ), o apelido de família precede o prenome na ordem do nome completo, como Deng Xiaoping , sendo Deng o apelido de família e Xiaoping o prenome.

Consulta em 02/2009 do IP 54.162.237.53


 
Ctrl: 14554775
Espaço para casamento no Gama DF